Careca aos 30: 4 cortes masculinos em alta para quem tem pouco cabelo

PorVinicius Tamamoto 18 de junho de 2018

Se você tem pouco cabelo, não ache que isso é desculpa para abdicar da vaidade capilar. Existem cortes que podem disfarçar a falta de fios. O estilo ideal irá depender do nível do problema. Undercut, militar e degradê são cortes que estão em alta e que ajudam a driblar o pouco cabelo.

O cabeleireiro Johnata Venceslau de Jesus, do Salão Luxo, na Vila Madalena, em São Paulo, diz que se a calvície já estiver em nível avançado, raspar é a melhor opção. “A cabeça raspada com a barba mais cheia é tendência e dá um visual bem estiloso”, ensinou, em entrevista ao Pronto Pro Jogo.

Quem tem entradas muito aparentes pode optar por fios mais longos no topo da cabeça enquanto deixa os lados mais baixo. “Assim, é possível brincar mais com os fios, jogando pra frente ou pros lados”, indica o profissional.

Há ainda alguns truques usados para disfarçar a falta de cabelo. Um deles é o uso de pomadas escuras, o  que dá um leve sombreado ao couro cabeludo. “É legal para eventos porque, se molhar, pode escorrer”, aconselha. Há ainda quem prefira o uso de coloração para deixar o degradê mais marcado.

Abaixo, confira algumas opções de cortes para quem tem pouco cabelo

Militar

O corte militar é muito usado por personalidades do cinema e do futebol. Consiste em deixar os fios do topo da cabeça mais alto e os lados mais baixo. Surgiu durante a primeira guerra, quando os soldados precisavam de um cabelo prático, que não exigisse muita manutenção. Apesar de não ter sido criado com fins estéticos, acabou virando um clássico entre os cortes masculinos e derivou vários outros.

Degradê

É uma derivação do corte militar, que deixa o topo da cabeça com mais fios e os lados mais baixo. A diferença é que aqui dá para ousar um pouco mais: o corte pode ser suave ou bem marcado. De acordo com o Gentlemen’s Quarterly, o estilo ganhou força nos Estados Unidos na era de ouro do movimento hip hop, lá na década de 80, quando barbeiros afro-americanos e hispânicos resolveram modernizar o corte militar.

Social

Se você é um cara do mundo corporativo ou tem um estilo mais formal, pode preferir um corte menos ousado. A dica de Johnata é esquecer a máquina e usar somente a tesoura, levando os fios para trás, o que ajuda a disfarçar a falta de cabelo. Se você tiver entradas muito aparentes, pode deixar os fios mais longos e ajustá-los conforme a necessidade.  

Raspado

A calvície está no nível avançado? Não tenha medo de assumir a careca, a cabeça totalmente raspada também está em alta. Para garantir um visual mais estiloso, a dica de Johnata é investir na barba. É legal porque tira a atenção do couro cabeludo e a joga para o rosto. Você pode deixá-la tanto comprida quanto mais rente ou optar entre cavanhaque e bigode, tudo depende do formato do seu rosto (e, claro, de como se sente melhor). Um dos ícones a adotar – e popularizar – o estilo é o ator Bruce Willis.    

Leia também

Mais Recentes