Como escolher óculos de sol: 3 dicas para se proteger do sol corretamente

PorVinicius Tamamoto 28 de julho de 2018

Além de fazer parte do estilo de muita gente, os óculos de sol também têm uma função muito importante. A de proteger os olhos da exposição à luz. Com quinze vezes mais terminações nervosas que a ponta dos dedos, os olhos precisam estar seguros quando recebem os raios ultravioletas A e B.

A exposição prolongada ao raios UV pode ocasionar doenças como o pterígio, explica a oftalmologista do Hospital das Clínicas Lisia Aoki. “No Brasil, principalmente nas regiões norte e nordeste, há uma grande incidência de casos”, diz.

A doença acontece quando há formação de pele sobre a conjuntiva (membrana que reveste a superfície da córnea), o que causa ardor e sensação de areia. “A catarata também está associada à exposição ao sol”, diz a médica.

Como escolher os óculos de sol


1. Compre óculos de sol confiáveis: o barato sai caro

A dica principal para escolher um óculos de sol é conhecer a sua procedência. Prefira óticas de confiança, que tenham garantia de proteção contra os raios UV. Nunca compre óculos de sol em camelôs – o barato pode sair caro.

De acordo com a classificação internacional, para serem consideradas seguras, as lentes devem ter pelo menos 70% de bloqueio de raios UVA e 90% de UVB.


2. Atenção com os raios solares

Para proteger bem os olhos, o ideal é que você opte por um óculos mais fechados, mesmo nas laterais. Isso porque os raios UV podem invadir as áreas descobertas. “Aqueles modelos aviador, por exemplo, não protegem da luz que incide lateralmente”, explica Lisia.

3. Quem tem olhos mais claros, precisa de óculos escuros


Pessoas com olhos claros costumam ser mais sensíveis à luz, então os óculos de sol são um importante aliado. Mas isso não é regra. “Quem tem olho escuro também pode ser bastante sensível.” Muito mais que estilo, usar óculos de sol proporciona conforto e proteção aos olhos.

Leia também

Mais Recentes