Como escolher a melhor pomada para o seu cabelo

PorRafael Nardini 29 de setembro de 2017

O termo pomada era tradicionalmente associado a produtos à base de óleo com alto potencial de brilho, usados para fixar e modelar cabelos, criando penteados marcantes, com divisórias laterais aparentes e enormes e pomposos topetes. Alguém mais lembrou de Elvis Presley?

Algumas pomadas para cabelo masculino ainda fazem isso — e seguem sendo à base de óleo –, mas, ultimamente, o produto tem se tornado mais abrangente e menos focado em um público específico. Resumindo: nem só de topetes vivem as pomadas.

Basicamente, os produtos novos funcionam extremamente bem para penteados que se formam usando um pente. Ao contrário dos géis, as pomadas não ressecam ou deixam seu cabelo extremamente imóvel.

Nas próximas linhas, temos um guia simplificado para ajudá-lo na hora de escolher o que vai fazer, literalmente, a sua cabeça nos próximos meses.

Como aplicar a pomada para cabelo masculino?

Não importa a fórmula da pomada para cabelo masculino, se são mais ou menos cremosas, as pomadas devem ser esfregadas entre as palmas das mãos antes da aplicação nos cabelos. De maneira geral, aplicar a pomada sob os cabelos ainda úmidos vai garantir mais brilho ao cabelo. E é só isso.

Qual o meu tipo de pomada?

Na década de 1950, o termo “brilhantina” (em inglês, grease, John Travolta mandou um abraço) surgiu para descrever os penteados criados com pomadas baseadas em óleo. Lembra de Elvis Presley e seu indefectível topetão? A mágica é a pomada para cabelo masculino.

Os produtos tradicionais à base de óleo oferecem fixação e brilho superiores, mas são difíceis de lavar. Até por isso esse tipo de produto também pode causar desconforto quando em contato com a pele, gerando alergias ou rejeições.

Já as pomadas à base de água são um pouco mais fáceis de usar. Elas foram criadas para permitir que você obtenha resultados semelhantes às pomadas à base de óleo, mas saem com muito mais facilidade ao lavar.

Diferença pomada, creme, cera e gel para cabelo masculino

Os cremes de cabelo oferecem um modelar mais leve e suave em comparação com outros produtos de penteado e são recomendados para adicionar substância e brilho. Se você estiver procurando um produto para domar os cabelos indisciplinados ou controlar o frizz dos encaracolados, o creme é o produto perfeito para o seu estilo.

As ceras são mais comparáveis ​​às pomadas, mas têm uma fixação mais leve. Como as pomadas, as ceras são ideais para os penteados que exigem um pente ou para formar penteados unidirecionais, como nos tais cortes com as divisórias bem aparentes. Cera é ideal para quem não quer deixar o produto aparente no cabelo. Ele é capaz de fixar e modelar, mas não rouba a cena.

O gel é normalmente a melhor opção para fixar os cabelos “mais rebeldes”. Cabelos curtos ou encaracolados — quando repartidos em penteados mais marcados — são os que mais se beneficiam desse tipo de produto. Alem disso, o gel funciona bem com todos os comprimentos, espessuras e texturas, e é ótimo para moldar, esculpir ou simplesmente segurar os cabelos no lugar.

Mas há o lado ruim também: o gel é um ótimo produto se a sua intenção é ter cabelos rígidos e imóveis, mas não se importar tanto em danificar os fios. O gel é um produto à base de água que possui uma mistura de álcoois e produtos químicos de retenção. Ele geralmente deixa seus cabelos brilhantes e sem flexibilidade durante o dia, mas há um preço: cabelos danificados e ressecados ao extremo.

Exemplos de pomadas para cabelo masculino

1. Mitch Barber’s Classic

Fixação média e muito brilho. Indicada para quem é vintage até no penteado. Também indicada para cabelos ondulados ou cacheados.

2. Charming Black

Alta fixação e pouco brilho, deixando os cabelos sem marcas do produto (o tradicional efeito “matte”, fosco).

3. Suavecito Hold

Ótimo para penteados que precisam de fixação, mas sem deixar aquele aspecto petrificado.

Leia também

Mais Recentes