Customize já: 6 formas de fazer roupas velhas ficarem na moda

PorRafael Nardini 19 de setembro de 2017

Quem nunca perdeu o gosto por uma peça de roupa que ainda poderia ser usada? É mais comum do que parece e os motivos são vários. Pode ser que seu peso tenha sofrido alterações — para mais ou para menos –, mas também que alguma moda tenha passado e que, com isso, algumas peças acabem abandonadas no fundo do guarda-roupa. Uma ótima opção, muito comum entre as mulheres, mas pouco explorada entre os homens, é o ato de reaproveitar peças antigas para torná-las mais novas e usáveis. Resumindo com o termo mais adequado: customização.

Mais que isso: customizar roupas tem uma outra função ainda mais importante do que tirá-las do mofo: reaproveitar os produtos que você já comprou e colocá-los dentro de um novo ciclo de vida útil. Esse movimento que começa a ser grandioso até para grifes importantes da moda ganhou o nome de upcycling. Mas isso é assunto para um outro momento.

Separamos seis dicas diversas, com níveis de dificuldade diferentes. Do mais simples ao mais complexo (mas nem tanto também). Pronto?

Customizar roupas velhas

Como transformar uma camiseta regata

customizar roupas

Foto: Istock/Getty Images

Um dos mais simples e mais comuns. Quando aquela camiseta tão amada começa a desbotar é hora de decidir: passo para frente ou faço dela uma regata? Se a resposta for a segunda opção, a primeira dica é: faça tudo com calma para não errar.

Para evitar que a peça fique cavada além do indicado, use como base para sua regata as próprias costuras da peça, tanto nas mangas quanto na gola. Faça o primeiro corte e vista a camisa. Se achar que ficou fora do esperado, faça marcações de 1 cm ou 2 cm para dentro das marcas da camiseta. É melhor cortar a peça em duas ou três vezes até achar o ideal do que tentar chegar no resultado em uma tesourada só e acabar errando a mão.

Lembre-se de sempre marcar o corte com uma caneta pra tecido, possibilitando que a peça fique simétrica. Considere ainda que a gola e as mangas vão enrolar, perdendo ainda mais espaço na parte útil da camisa e deixando a peça mais cavada.

O truque do colete

Criar coletes é muito parecido com criar camisetas regatas. A diferença vai apenas do seu estilo. Se você adora motocicletas e não perde um episódio de Sons of Anarchy, vá fundo. Tire as mangas da sua jaqueta jeans e desfie as pontas para criar uma franja interessante.

Para outros estilos, pense em fazer uma barra nas mangas. Vai deixar seu colete customizado mais bem acabado e mais fácil de ser usado em diversas ocasiões.

Reaproveitando roupas velhas

Como transformar calças velhas em bermudas

Talvez essa seja a mais comum e uma das mais fáceis de conseguir fazer de primeira. Todo mundo já deve tido vontade — se é que não colocou a ideia em prática: “Vou fazer uma bermuda com esse jeans velho”.

Bermuda com barra desfiada

como customizar roupas velhas

Foto: Istock/Getty Images

Antes de definir a altura da sua bermuda, lembre que após cortado, o jeans vai desfiar bastante com o uso, o que acaba deixando a peça mais curta. Você também vai precisar aparar as franjas da peça de vez em quando.

Se preferir, faça uma barra na bermuda, mas para isso você também vai precisar calcular a dobra da bermuda para fazer a costura e deixá-la reforçada, sem descosturar.

Como customizar calça jeans

Outra peça que quase nunca sai de moda: o jeans desgastado ou rasgado. Você só precisa de uma lixa usada em paredes e uma tesoura. Da mesma forma como a camisa regata, a maior dica é fazer a raspagem com calma e ir experimentando a calça no corpo para ver como ela está se adaptando. Se você criar um corte muito desproporcional não terá como arrumá-lo. Então, cuidado.

Se você não quiser fazer mudanças muito bruscas, mas apenas detalhes, opte por raspar a calça jeans em sua parte superior — onde passa o cinto — e em áreas próxima aos bolsos dianteiros e traseiros. Pequenos “rasgos” próximos ao joelho também pode ser efetivos para o estilo, mas sem chamar muita atenção.

Se você preferir mudanças mais claras e estiver afim de bancar os Ramones ou os Strokes, faça cortes na altura do joelho e lixe a região do corte para dar o efeito de desgaste. Mais Rock in Roll impossível.

Reformando roupas velhas

Além de criar uma calça rasga com o maior estilo, você também pode customizar seu jeans usando um pouco de tinta. Da mesma forma que com os rasgos, faça sempre cada movimento com a máxima calma e atenção.

Você vai precisar de um pincel e tinta para tecidos. A outra boa dica aqui é a tonalidade das cores. Se seu jeans reaproveitado é uma peça clara, opte por tintas claras (azul claro, branco, cinza, bege). As “manchas” devem aparecer, mas não podem roubar toda a atenção do jeans, ou podem parecer “forçadas”. O mesmo princípio vale para jeans escuros, que devem ser acompanhados por manchas mais escuras.

Molhe o pincel com a tinta e faça movimentos para cima e para baixo, jogando gotas de tinta sobre a área do jeans que deseja criar os detalhes. Pronto: você já tem uma peça novinha e diferente para usar.

Leia também

Mais Recentes