Home office: um guia para aumentar (ou não perder) a produtividade

PorPedro Katchborian 16 de setembro de 2017

Você acorda com aquele frio do inverno de julho, coloca os chinelos e vai para o computador trabalhar. Convenhamos: o home office ou, se preferir, trabalho de casa, é o sonho de muita gente.

É nesse modelo que você ganha mais flexibilidade para trabalhar, passando a controlar mais seu próprio tempo e ainda evita o trânsito. Ok, não precisa contar para ninguém que você foi mais longe e decidiu trabalhar e de pijama (o que, aliás, não é recomendado, como você verá mais abaixo).

Toda essa flexibilidade precisa ser acompanhada de muita disciplina, organização e um espaço adequado para aumentar (ou não diminuir) sua produtividade.

H2: Por que trabalhar de home office?

Se você ainda não faz home office, vá se acostumando com a ideia. Essa parece ser a tendência daqui em diante. Uma pesquisa feita pela Global Leadership Summit, em Londres, revela que 34% dos diretores de empresas acreditam que mais de metade da população estará trabalhando de casa até 2020.

Como se organizar para o home office

Tenha disciplina

Ah, a disciplina…Se você tem a possibilidade de ser freelancer ou trabalha de casa alguns dias, a palavra é disciplina. O seu chefe não vai estar aí olhando o seu computador para comprovar que você está, de fato, trabalhando. Isso significa que precisa acontecer uma mudança na sua mente.

É lógico que, dependendo do tipo de trabalho, você vai poder, por exemplo, marcar um médico no meio da tarde ou até dar uma descansada entre um job e outro. Mas ainda é necessário criar uma rotina para não acabar exagerando. Afinal, é bem provável que você tenha que lidar com pessoas que estão disponíveis somente em horário comercial.

Às vezes você pode até criar uma rotina já incorporando outras atividades durante o seu dia. Por exemplo, pode passear com o cachorro todas as tardes ou até mesmo fazer ioga em casa.

Defina o seu horário

Sim, tudo pode ser flexível, mas se você não prestar atenção, sua vida pessoal estará totalmente misturada com a do trabalho. Isso significa receber um e-mail às 22h e ter aquela vontade de responder, já que você está no computador jogando um game ou vendo Netflix. Estipular minimamente horários vai te ajudar a não cair nesse erro — e consequentemente — ficará menos estressado. Lembre-se: o home office deve te desestressar e não o contrário.

Troque de roupa

Sim, é tentador trabalhar de pijama — ainda mais no frio. Só que para incorporar a produtividade que você teria presencialmente — ou até aumentar — vale trocar de roupa. É uma atitude simples dessa que vai acabar evitando uma preguiça em excesso e desnecessária. Não, não precisa colocar um terno, camisa e sapato, mas esteja apresentável para participar de uma reunião por Skype, por exemplo.

Como montar um home office

O ideal é ser um lugar bem arejado e iluminado — não importa se é a sala, quarto ou um escritório específico para trabalhar. Além disso, lembre-se que você precisa de privacidade. Se você mora sozinho, sem problemas. Mas se dividir a casa com amigo ou namorada, é melhor procurar um cantinho para chamar de escritório.

Outra coisa: não se esqueça de ter uma cadeira adequada. Por mais tentador que seja um sofá ou uma cama, a sua postura não vai ser das melhores. Em outras palavras: se você tem certeza que vai fazer home office ao menos uma vez por semana, vá atrás de uma boa cadeira. Seu corpo agradece.

Home office é bom ou ruim?

O home office vai te dar diversas vantagens: primeiro, o fato de não precisar se locomover para trabalhar. Segundo, dependendo do caso você pode economizar ao não comer fora todos os dias. Além disso, a flexibilidade que o trabalho de casa traz consigo permite que o seu dia seja mais proveitoso do que trabalhando em um escritório.

É claro que também há as desvantagens. Ao trabalhar de casa, você não vê ninguém do seu trabalho– a não ser por Skype –, o que pode prejudicar a comunicação. Para os que pecam na disciplina, o home office pode significar uma queda drástica na produtividade.

Leia também

Mais Recentes