5 games de esporte para quem quer ir além do Fifa 18

PorRafael Nardini 16 de setembro de 2017

Não poderia ser diferente. Entre agosto e setembro, uma febre atinge boa parte dos atletas virtuais brasileiros. É a febre chamada de Fifa. Os fifeiros e fã do Pro Evolution Soccer, o PES, como é carinhosamente chamado, sofrem de ansiedade com a chegada de cada nova versão dos jogos da franquia.

O que muitos parecem ignorar no país do futebol é que os consoles – PS4 e Xbox – estão cada vez mais especializados em fisgar os fãs de esportes. E é preciso dizer: a vida gamer vai muito além do futebol. Fifa e PES são só o começo.

Pode apostar comigo: tudo muda na primeira vez que você controlar uma franquia no Madden NFL’ 18 ou ver você mesmo – em carne e osso virtual – dando um passe açucarado para Stephen Curry matar uma bola de três.

Games de esporte para Xbox e PS4 que você deve jogar

1. NBA 2K18

A crítica mundo afora baba pela série da 2K Sports. Não é sem motivos. Você pode recriar partidas das mais variadas formas. De amistosos até disputar uma temporada inteirinha e os famosos playoffs. Movimentos, dribles, arremessos e enterradas, sempre com gráficos de deixá-lo boquiaberto. O senso de realidade é um dos destaques do jogo. Se você arriscar da linha de três pontos com um jogador que não é especialista a bola jamais cairá, exatamente como numa partida real. Jogar com o Golden State Warriors é extremamente diferente do que controlar Lebron James e o Clevand Cavaliers. O Houston Rockets não lembra em nada o San Antonio Spurs. Acima disso tudo, a grande atração segue sendo o modo MyCarrer, em que seu jogador – que pode ser você mesmo, inclusive com seu rosto escaneado. Na versão mais recente, você agora vive uma espécie de “GTA do basquete”, podendo visitar tattoo shops, lojas de tênis e investir num novo corte de cabelo ou de barba. Você também é o responsável por treinamentos e por guiar seu desenvolvimento como atleta. Altamente viciante. Falamos mais do game aqui em nosso guia para iniciantes.

2. Madden NFL’ 18

A NFL veio para o Brasil para ficar. Cada Super Bowl que passa, maior é a audiência e o interesse dos brasileiros com o principal esporte americano. A franquia Madden segue sendo a melhor forma de tentar simular um jogo real. Talvez nenhum jogo de esporte tenha conseguido ser tão fiel visualmente à realidade quanto a versão 2018 do game da NFL. No modo Franchise Player, você segue podendo fazer as vezes não só de treinador, mas de general manager e de dono da franquia. Você pode estruturar os investimentos, planejar as contratações, trocar, dispensar ou estender contratos de atletas e pensar no futuro de sua franquia, exatamente como uma equipe da liga de carne e osso. Assim como no NBA 2K, o Madden também se mostra completamente fiel às características de atletas e treinadores. Sim, controlar o Tom Brady e o New England Patriots é tão viciante quanto parece. E é um desafio enorme ser vencedor com o Cleveland Browns, exatamente como a realidade sugere.

3. NHL’ 18

Dos esportes americanos, talvez o hóquei seja o que ainda não conseguiu conquistar o coração do público brasileiro. Mas ele é capaz de render boas horas por trás do joystick. A franquia da EA Sports faz de tudo para colocá-lo dentro da arena, com efeitos sonoros e visuais dos mais bem construídos. Uma parte do jogo que cabe ao jogador editar é se você irá ou não entrar nas tradicionais brigas durante as partidas. Aí é hora de seu atleta deixar as luvas e o taco de lado para sair na mão com o adversário. Na mais nova versão, a EA Sports tratou de separar melhor a movimentação do atleta do uso do taco, reclamação antiga dos gamers. Outra novidade é a franquia Las Vegas Golden Knights, estreante na NHL na temporada.

4. Tony Hawk’s Pro Skater 5

A série Tony Hawk’s Pro Skater foi lançada em 2001, pela desenvolvedora Neversoft, mas demorou até chegar aos consoles mais atualizados, com XBox 360 e Playstation 4. O quinto jogo da série tenta reviver o passado glorioso na mistura de trilha sonora potente (hard core e hip hop da Costa Oeste americana, em sua maioria) e manobras quase sempre exageradas e impossíveis até mesmo para os melhores skatistas do planeta. O representante brasileiro Bob Burnquist ficou de fora nesta versão, mas não quer dizer que estejamos desprestigiados. A skatista brasileira Leticia Bufoni está prontinha para mandar ver nas rampas e skate parks. Aliás, você pode criar seus próprios cenários aqui. Então, capriche.

5. UFC 2

Mais de 250 atletas – incluindo até mesmo o lendário boxeador Mike Tyson. Para quem ama MMA, o UFC 2 é basicamente um pedaço do paraíso. Até mesmo as marcas dos golpes, contusões ou ferimentos comuns aos combates são ultrarrealistas. O jogo ganhou um sistema de movimentação novo e os golpes no chão também ganharam um novo sentido no octógono e respeitando as qualidades individuais de cada atleta. Outros atrativos são os jogos online e os eventos ao vivo. É possível ainda simular lutas oficias de edições futuras do UFC, para matar a ansiedade dos confrontos. Se você acertar o resultado, ganha bônus e pacotes para o modo Ultimate Team, em que você gerencia até cinco lutadores e suas carreiras. O UFC 3 chega somente no próximo ano.

Leia também

Mais Recentes